Tag Archives: Literatura

A castanha

Tempo de reler a obra de Miguel Torga, “Um Reino Maravilhoso”. Passo a transcrever um pequeno trecho:

dsci4093

Mas o fruto dos frutos, o único que ao mesmo tempo alimenta e simboliza, cai de umas árvores altas, imensas, centenárias, que, puras como vestais, parecem encarnar a virgindade da própria paisagem. Só em Novembro as agita a inquietação funda, dolorosa, que as faz lançar ao chão lágrimas que são ouriços. Abrindo-as, essas lágrimas eriçadas de espinhos deixam ver numa cama fofa a maravilha singular de que falo, tão desafectada que até no nome é doce e modesta – a castanha. Assada, no S. Martinho, serve de lastro à prova do vinho novo. Cozida, no Janeiro glacial, aquece as mãos e a boca dos pobres e ricos. Crua, engorda os porcos, com a vossa licença …

Ainda que mal

Ainda que mal pergunte,
ainda que mal respondas;
ainda que mal te entenda,
ainda que mal repitas;
ainda que mal insista,
ainda que mal desculpes;
ainda que mal me exprima,
ainda que mal me julgues;
ainda que mal me mostre,
ainda que mal me vejas;
ainda que mal te encare,
ainda que mal te furtes;
ainda que mal te siga,
ainda que mal te voltes;
ainda que mal te ame,
ainda que mal o saibas;
ainda que mal te agarre,
ainda que mal te mates;
ainda assim te pergunto
e me queimando em teu seio,
me salvo e me dano: amor.

Carlos Drummond de Andrade, in ‘As Impurezas do Branco’

Ler devia ser proibido!…

Biblioteca Digital de Fernando Pessoa

Mario Vargas Llosa é o Prémio Nobel da Literatura – Cultura – PUBLICO.PT

Mario Vargas Llosa é o Prémio Nobel da Literatura – Cultura – PUBLICO.PT.

Voltaire on the Lisbon Earthquake

O filosofo francês, de modo a temperar os seus pensamentos, por vezes perdia-se na realidade mundana. Esta realidade, que ele descrevia com elevada mestria, levou que o confundissem como mestre do sarcasmo… quando na verdade a realidade é que era profundamente ridícula como neste caso que passamos a transcrever da sua obra “Cândido” :

“Após o tremor de terra que destruíra três quartos de Lisboa, os sábios do país cogitaram em que o meio mais eficaz para prevenir a ruína total da cidade consistia em dar ao povo um rico auto-de-fé. Fora decidido pela Universidade de Coimbra que o espectáculo de várias pessoas queimadas a fogo lento, com grande cerimonial, era um segredo infalível para impedir a terra de tremer.”

Referências:

Lisbon – Insight Cityguides

Cândido – Voltaire

Loucos e Santos

Escolho meus amigos não pela pele ou outro arquétipo qualquer, mas pela pupila.
Tem que ter brilho questionador e tonalidade inquietante.
A mim não interessam os bons de espírito nem os maus de hábitos.
Fico com aqueles que fazem de mim louco e santo.
Deles não quero resposta, quero meu avesso.
Que me tragam dúvidas e angústias e agüentem o que há de pior em mim.
Para isso, só sendo louco.
Quero os santos, para que não duvidem das diferenças e peçam perdão pelas injustiças.
Escolho meus amigos pela alma lavada e pela cara exposta.
Não quero só o ombro e o colo, quero também sua maior alegria.
Amigo que não ri junto, não sabe sofrer junto.
Meus amigos são todos assim: metade bobeira, metade seriedade.
Não quero risos previsíveis, nem choros piedosos.
Quero amigos sérios, daqueles que fazem da realidade sua fonte de aprendizagem, mas lutam para que a fantasia não desapareça.
Não quero amigos adultos nem chatos.
Quero-os metade infância e outra metade velhice!
Crianças, para que não esqueçam o valor do vento no rosto; e velhos, para que nunca tenham pressa.
Tenho amigos para saber quem eu sou.
Pois os vendo loucos e santos, bobos e sérios, crianças e velhos, nunca me esquecerei de que “normalidade” é uma ilusão imbecil e estéril.
Oscar Wilde

Mário de Sá Carneiro

“Pois bem! Eu consegui variar a existência – mas varia-la quotidianamente. Eu não tenho só tudo quanto existe…eu tenho também tudo quanto não existe…Eu vivo horas que nunca ninguém viveu, horas feitas por mim, sentimentos criados por mim, voluptuosidades só minhas e viajo em países longínquos, em nações misteriosas que existem para mim, não que as descobrisse, mas porque as edifiquei.Porque eu edifico tudo……De resto, é evidente faltam-me as palavras para lhe exprimir as coisas maravilhosas que não existem…Ah! O ideal…O ideal…Vou sonha-lo esta noite…Porque é sonhando que eu vivo tudo.Compreende? Eu dominei os sonhos. Sonho o que quero, vivo o que quero……Enfim, meu amigo…Eu sou feliz porque tenho tudo quanto quero e porque nunca esgotarei aquilo que posso querer. Consegui tornar infinito o universo – que todos chamam infinito, mas que é para todos um campo estreito e bem murado”

Bilhete

Se tu me amas, ama-me baixinho
Não o grites de cima dos telhados
Deixa em paz os passarinhos
Deixa em paz a mim!
Se me queres,
enfim,
tem de ser bem devagarinho, Amada,
que a vida é breve, e o amor mais breve ainda…

Mário Quintana

Já que estamos no Verão…

… E não temos um sobreiro para nos proteger deste tempo, fica aqui a sugestão de consulta da obra:

 100 Livros Portugueses do Século XX, Uma Selecção de Obras Literárias, 2002, Amaral, Fernando Pinto, Instituto Camões, Lisboa.

http://cvc.instituto-camoes.pt/component/docman/doc_download/2178-100-livros-portuguesesdo-seculo-xx–100-portuguese-books-of-the-20th-century.html

José Saramago … No país de escritores!

É com profunda tristeza, ou de alegria para alguns, que tivemos conhecimento da morte do escritor José Saramago.

É impressionante como José Saramago é agora reclamado por todos, mesmo aqueles que desejaram que estivesse “calado”.

É reconhecido, não pela sua obra, mas por lhe ter sido atribuído o prémio Nobel!

Mourinho: «Portugal nem com Ronaldo a mil à hora»

Neste título de uma notícia publicada no Record  temos como:

Figura com estilo: Mourinho

Figura de estilo: na frase “Portugal nem com Ronaldo a mil à hora” temos um conjunto de  figuras de estilos, tais como: a Elipse, Hipérbole, Metáfora, …

Poder-se-á pensar tudo o que Cristiano Ronaldo pode fazer numa hora:

  • … Ronaldo a mil quilómetros à hora
  • … Ronaldo a mil falhanços à hora
  • … Ronaldo a mil faltas sofridas à hora

Enfim, deve-se entender: … Ronaldo em boa forma!

As figuras de estilo… ou o estilo das figuras

As figuras de estilo não devem ser entendidas com os estilos das figuras que se exprimem para serem mais claras! No entanto, só as figuras com estilo podem cometer estas incorrecções sem serem corrigidas.

O atrevimento e a irreverência ao instituído permitem que se utilizem e sejam permitidas as figuras (incorrecções) de estilo a alguns dos utilizadores de uma língua.

Iremos gradualmente e com tempo mencionar algumas das figuras de estilo.

Instituto Camões – Biblioteca Digital

O Instituto Camões disponibiliza um conjunto de obras, sobre os mais diversos temas, em formato digital. Clique sobre a seguinte figura para aceder à Biblioteca Digital Camões!

Deixamos aqui a nota introdutória constante no sitio do Instituto Camões.

Seja bem-vindo/a à Biblioteca Digital Camões!

A disponibilização de um conjunto de textos e documentos de grande relevância cultural e linguística insere-se na missão do Instituto Camões: A promoção da língua e cultura portuguesas, de que se vem ocupando desde 1929.

A Biblioteca Digital Camões pretende fazer chegar o Português a um universo cada vez mais amplo de falantes e estudantes do Português. Nos próximos meses receberá novos e diversificados parceiros, que a enriquecerão com as suas contribuições e cooperação na preparação do Instituto Camões para o Séc. XXI.

O filósofo Renato Figueiredo

O filósofo Renato Figueiredo, autor de diversos artigos publicados na imprensa nacional e regional, deixou-nos, para além de uma imensa saudade, algumas obras pedagógicas, das quais deixo aqui a capa do manual “Breves Noções da História da Literatura”, exemplar rebuscado na sua biblioteca.
Desta figura – que uns recordam como o Director da Biblioteca de S. João da Madeira, outros como uma pessoa histórica da Oliva, outros em outras tantas obras e lugares que ocupou – recordo-me dos poucos momentos que com ele passei, a maioria das vezes a jantar, lugar privilegiado pelo Renato Figueiredo e não menos por mim, onde nas conversas saltava a história da sua vida que muito se confundia com a história cultural e política da sua época.
Um exemplo da sua obra foi o imenso património que ele nos deixou na área da publicidade, nela tendo participado os maiores fotógrafos, poetas, músicos, pintores, … da época das Máquinas de Costura Oliva.

Acordo ortográfico da Língua Portuguesa

 

Informação disponibilizada em: www.priberam.pt

World Digital Library

 

  

Missão (Não estamos num mundo de deturpar. Por isso transcrevo a missão constante no endereço da World Digital Library)  

A Biblioteca Digital Mundial disponibiliza na Internet, gratuitamente e em formato multilíngue, importantes fontes provenientes de países e culturas de todo o mundo.  

Os principais objetivos da Biblioteca Digital Mundial são:  

  • Promover a compreensão internacional e intercultural;
  • Expandir o volume e a variedade de conteúdo cultural na Internet;
  • Fornecer recursos para educadores, acadêmicos e o público em geral;
  • Desenvolver capacidades em instituições parceiras, a fim de reduzir a lacuna digital dentro dos e entre os países.

Da literatura

Sugestão de consulta:

http://www.daliteratura.blogspot.com/

Autores: Eduardo Pitta e João Paulo Sousa

821 – Literatura

CHypertexts
xroads.virginia.edu/%7eHYPER/hypertex.html

American Verse Project
http://www.hti.umich.edu/a/amverse

Literatura Americana e Inglesa
http://www.infomotions.com/alex

Obras de Escritores Afro-Americanos
falcon.jmu.edu/%7eramseyil/afroonline.htm

Literatura americana en español
libros.astalaweb.com/Descargas/indexAme.asp

Literatura inglesa

A Obra Completa de William Shakespeare
the-tech.mit.edu/shakespeare/works.html

Oscar Wilde
http://www.bartleby.com/wilde

Celt Corpus of E-Texts
http://www.ucc.ie/celt/index.html

Kipling, Rudyard
http://www.bibliomania.com/Fiction/Kipling

Charles Dickens
lang.nagoya-u.ac.jp/%7ematsuoka/Dickens.html

Dante Gabriel Rosseti: Obras completas dos escritos e desenhos
jefferson.village.virginia.edu

Literatura inglesa en español
libros.astalaweb.com/Descargas/indexIng.asp

Literatura alemã

Biblioteca “Augustana”
http://www.fh-augsburg.de/%7eharsch/a_summa.html

Literatura alemana en español
libros.astalaweb.com/Descargas/indexAle.asp

Textkorpora des Institut fur Deustsche Sprache (IDS)
http://www.ids-mannheim.de/kt/corpora.shtml

Literatura francesa

ABU (Association des Bibliophiles Universels)
abu.cnam.fr

ARTFL Projecto
humanities.uchicago.edu/ARTFL.html

Champ Lexical de la Littératura Française
http://www.ai.univ-paris8.fr/corpus/lurcat/listelit.htm

Proverbes Français
perso.wanadoo.fr/proverbes

Prémio Goncourt
http://www.academie-goncourt.fr/palmares.htm

Gallica 2000
gallica.bnf.fr

Athena
un2sg4.unige.ch/athena/html/authors.html

Literatura francesa en español
libros.astalaweb.com/Descargas/indexFra.asp

Literatura italiana

Projecto Duecento: A Poesia Italiana desde as Origens a Dante
http://www.silab.it/frox/200/pwhomita.htm

Antologia (Fragmentos) da Literatura Italiana
http://www.crs4.it/HTML/Literature.html

Projecto Manuzio
http://www.rcvr.org/scuole/manuzio/index.htm

Literatura italiana en español
libros.astalaweb.com/Descargas/indexIta.asp

Literatura espanhola

Biblioteca Virtual: elalpeh
http://www.elaleph.com/biblioteca.cfm

Biblioteca Virtual “Joan Lluís Vives” (Textos em Catalão)
http://www.lluisvives.com

Biblioteca Virtual “Miguel de Cervantes”
http://www.cervantesvirtual.com

Indice de Textos de Comédias do Século de Ouro Espanhol
http://www.coh.arizona.edu/spanish/comedia/intext.html

RIALC: Reportório Informatizado da Antiga Literatura
http://www.rialc.unina.it

LEMIR: Literatura Espanhola Medieval e Renascentista
parnaseo.uv.es/Lemir.htm

Recull de Dites Populares Catalanes
http://www.arrakis.es/%7efrancesc

Refranero Español
http://www.iespana.es/elrefranero

Libros gratis en español y otros idiomas
libros.astalaweb.com/Descargas/indexEsp.asp

Literatura portuguesa

Instituto Camões – Literatura
http://www.instituto-camoes.pt/bases/literatura.htm

Cronologia da Literatura Portuguesa
http://www.feranet21.com.br/dicas/portugues/literatura_portuguesa/quadro_cronologico_lit_portuguesa.htm

Literatura Portuguesa
http://www.lumiarte.com/luardeoutono/litportuguesa.html

Crestomatia da Quarta (Feira): Textos Portugueses
virtual.inesc.pt/%7ejaj/crestomatia

Biblioteca Universal
http://www.universal.pt

Ary dos Santos
http://www.citi.pt/cultura/literatura/poesia/ary_dos_santos

Letras & Letras
http://www.ipn.pt/

LÍNGUA. LINGUÍSTICA. FILOLOGIA. LITERATURA
Literatura latina

Didactic, Historical & Latin Literature
http://www.utm.edu/%7eglobeg/latdidac.shtml

Gregas e outras helénicas

Ancient Greek Literature
http://www.hol.gr/greece/ancwords.htm

Literatura griega en español
libros.astalaweb.com/Descargas/indexGre.asp

Outras literaturas

A Celebration of Women Writers
digital.library.upenn.edu/women

Arquivo de Clássicos
classics.mit.edu

Biblioteca “Labyrinth”
http://www.georgetown.edu/labyrinth/library/library.html

Biblioteca Digital “Perseus”
http://www.perseus.tufts.edu

Chinese Literature Classics – Main Page
http://www.chinapage.com/classic1.html

Fontes de Textos Completos da Idade Medieval
http://www.fordham.edu/halsall/sbook2.html

Literatura Brasileira
http://www.vbookstore.com.br/nacional/index.shtml

Literatura hispanoamericana
libros.astalaweb.com/Descargas/indexHis.asp

Literatura rusa en español.
libros.astalaweb.com/Descargas/indexRus.asp

Projecto “Libellus”
http://www.hhhh.org/perseant/libellus

Projecto Runeberg—Literatura Nórdica
http://www.lysator.liu.se/runeberg

Textos Clássicos
web.uflib.ufl.edu/cm/classics/etexts.htm

Textos da Antiga Noruega
home.nvg.org/%7egjerde/norn

Literatura em geral

Grandes Obras
http://www.bartleby.com

Literatura da Europa Ocidental
http://www.lib.virginia.edu/wess/etexts.html

Internet Public Library Books Collection
http://www.ipl.org/div/books

A Maior Colecção de Obras por Línguas
http://www.columbia.edu/cu/lweb/indiv/ets/offsite.language.html

Fragmentos de Obras
digital.library.upenn.edu/books

The Oxford Text Archive
ota.ahds.ac.uk

Teatro e Drama: Arquivo de Textos e Peças
vl-theatre.com

Citações

Citador – A Maior Base de Citações da Internet em Português
http://www.citador.pt/index.php

Bribes: Pequeno Dicionário de Citações
http://www.bribes.org

Citações do Mundo
http://www.evene.fr

Short Dictionary of Scientific Quotations
naturalscience.com/dsqhome.html

Aldem’s Political Quotations
members.tripod.com/aldems

FAMOUS QUOTES & QUOTATIONS Best Quotes and Familiar Quotations
http://www.startingpage.com/html/quotations.html

Famous Quotes by Author
http://www.quotationspage.com/quotes

Famous Quotations Network
http://www.famous-quotations.com

The Quotations Archive
http://www.aphids.com/quotes/index.shtml

Funny Quotes – Funny Quotations – Funny Sayings – Famous Funny Quotes
home.att.net/%7equotations/funny.html